Problema para quem?

Informe publicitário

Por Gui Brammer*

Gui Brammer é CEO da Boomera

Gui Brammer é CEO da Boomera

Uma das dificuldades para se lidar com a questão dos resíduos sólidos é que qualquer solução viável passa, necessariamente, pelo engajamento do consumidor.
O ponto é que, para o cidadão comum, não existe um problema com o lixo que ele gera. É como se, no momento do descarte, houvesse um distanciamento. Ele até pode estar ciente sobre o que acontece… mas ele mesmo não vive aquilo. Não faz parte do dia a dia dele.
Quem, na prática, convive mais diretamente com essa questão são as marcas, que estão sendo questionadas pelos resíduos que suas atividades geram – e que, em boa parte das vezes, são necessários para assegurar a qualidade do que entregam ao consumidor.
Acreditamos muito no trabalho em conjunto. As marcas precisam atuar em rede, buscando soluções co-criadas. Precisam, também, mobilizar o consumidor, criar engajamento, fazê-lo entender que a participação dele no processo é fundamental.

Mais informações: em@boomera.com.br

Comentários


menu
menu