Nestlé substitui plástico por papel em embalagens de barras de cereais

Yes5

A Nestlé criou um material capaz de substituir as embalagens plásticas flexíveis. Trata-se de um papel com revestimento de polímero que o torna impermeável e resistente o suficiente para passar pela linha de produção, transporte sem rasgar. O shelf life dos produtos é o mesmo do plástico, cerca de nove meses. Segundo a empresa, o material é 100% reciclável e se degrada depois de seis meses na água.

A nova embalagem estreia nas barras cereais da marca YES!. Inicialmente a embalagem será utilizada em países da Europa, mas deve chegar em breve ao mercado global. Os invólucros trazem a mensagem “cuidadosamente embrulhada em papel”.

Para que o material fosse viável, a Nestlé teve de adaptar os equipamentos existentes na sua linha de envase sem comprometer a velocidade com que as barras podem ser acondicionadas.

A empresa não revelou o investimento desembolsado para desenvolver essa nova tecnologia e disse que é muito cedo para avaliar qual será o impacto ao meio ambiente com a troca do plástico pelo papel, mas o novo sistema de embalagem aumentou os custos de produção. A barrinha custa cerca de 50% mais que as concorrentes.

A companhia diz que não pretende patentear a inovação, permitindo que outras empresas adotem o material a partir de abril de 2020. “Não é do nosso interesse segurar isso. Queremos que a indústria use papel”, afirma Jas Scott de Martinville, líder mundial de pesquisa e desenvolvimento de produtos de confeitaria da Nestlé.

O CEO da Nestlé, Mark Schneider, diz que a substituição do plástico pelo papel nas embalagens de papel uma necessidade global urgente. “Estamos determinados a olhar para todas as opções para resolver este complexo desafio e abraçar múltiplas soluções que podem ter impacto agora. Acreditamos no valor dos materiais recicláveis e compostáveis à base de papel e polímeros biodegradáveis, em especial quando não existe infraestrutura de reciclagem ”, afirmou o executivo.

O nome do fornecedor das embalagens não foi divulgado pela Nestlé.

Yes2 Yes3

Comentários


menu
menu