BNDES aprova renovação do Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Cadeia Produtiva do Plástico

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou na tarde desta quinta-feira (8) que a diretoria da instituição aprovou a renovação do Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Cadeia Produtiva do Plástico (BNDES Proplástico). Na nova fase, o programa terá orçamento de R$ 1,3 bilhão e prazo de vigência até 30 de junho de 2017.
“Vemos essa aprovação de forma muito positiva. O setor de transformados plásticos é um dos cinco maiores empregadores do País, com uma das melhores remunerações. Por isso, é muito importante contar com o apoio de uma instituição desse porte”, afirma o presidente da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (Abiplast), José Ricardo Roriz Coelho.
O Proplástico foi criado em 2010 em consonância com as medidas estabelecidas pelo Governo Federal através da Política de Desenvolvimento Produtivo (PDP), de maio de 2008, e com o Plano Brasil Maior, lançado em agosto de 2011, visando ao fortalecimento e modernização das empresas do setor.
A carteira atual do BNDES Proplástico, segundo o BNDES, conta com um total de 25 projetos, entre contratados, aprovados, em análise, enquadrados e em consulta, no valor de R$ 727,4 milhões em investimentos e cerca de R$ 571,6 milhões em financiamentos.

Comentários


menu
menu