Na França, Heineken investe em codificação

A Markem-Imaje anunciou a venda de vinte impressoras a jato de tinta, modelo 9232, para as operações da Heineken na França. Os equipamentos já estão em funcionamento em três fábricas da cervejaria, localizadas nas proximidades de Estrasburgo, Lille e Marselha.

“Testamos com sucesso o desempenho das impressoras em cenários de altas velocidades, mudanças de formatos e ambiente úmido”, afirma Sophie Lesenfans, compradora de projetos industriais da Heineken francesa. Nas unidades da cervejaria, os aparelhos operam com vários substratos diferentes (garrafas de vidro, barris de metal, caixas de papelão e filmes plásticos), em altas velocidades – são codificadas até 70 000 caixas por hora, por exemplo.

Segundo a Markem-Imaje, os principais desafios nesse fornecimento foram superar a umidade do ambiente, o que implica em secar os substratos antes da marcação, e atender uma ampla variedade de mensagens a serem impressas, tanto nas garrafas, quando nas embalagens.

 

Comentários


menu
menu