Vendas de latinhas tiveram avanço expressivo em 2012

O ano de 2012 foi bastante positivo para a indústria nacional de latas de alumínio para bebidas. Segundo balanço divulgado pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas de Alta Reciclabilidade (Abralatas), as vendas da embalagem cresceram 9,3% no ano passado. “Foram comercializadas mais de 20 bilhões de latas de tamanhos diversos, o que significa que, em média, cada brasileiro consumiu aproximadamente 103 latinhas em 2012”, detalha a entidade, em comunicado distribuído à imprensa.

As vendas do setor praticamente dobraram nos últimos seis anos. “A lata caiu no gosto do brasileiro”, diz Renault Castro, diretor executivo da Abralatas. “Com o aumento de renda, o consumidor passou a buscar produtos mais sofisticados e práticos.”

Além do maior poder de compra da população, fatores climáticos contribuíram para o bom desempenho, segundo a Abralatas. A Organização Meteorológica Mundial aponta que 2012 foi um ano particularmente quente. O Rio de Janeiro, por exemplo, teve registrada a temperatura mais alta desde 1915, com sensação térmica chegando aos 47 graus. A grande quantidade de feriados prolongados no ano passado, diz a Abralatas, também contribuiu para o avanço das vendas de bebidas em lata.

Presidente da Abralatas, Rinaldo Lopes prevê um novo exercício favorável para o setor. “A expectativa é que as vendas cresçam entre 8% e 9% em 2013”, declarou o executivo.

Comentários


menu
menu