Fábrica da Novelis em Pindamonhangaba completa 40 anos

novelisA Novelis comemora neste mês os 40 anos de sua fábrica em Pindamonhangaba. Inaugurada em 19 de abril de 1977 pelo então presidente da Alcan, Nathanael Davis, a unidade é considerada hoje o maior centro de laminação e reciclagem de alumínio da América Latina.

A planta, que recebeu um investimento inicial de US$ 70 milhões, começou operando com uma capacidade de produção de 30 mil toneladas ao ano. Em 1986, um investimento para a expansão da fábrica permitiu a produção de chapas de alumínio para latas de bebida no Brasil.

“A fábrica de Pinda é o coração dos negócios da Novelis América do Sul. Desde 2011, foram cerca de U$ 900 milhões investidos na expansão e modernização da unidade, permitindo que a capacidade instalada da laminação atingisse 600 mil toneladas ao ano e transformando o Brasil em um dos líderes mundiais em reciclagem de latas de alumínio. No Brasil, a receita da empresa praticamente dobrou nos últimos seis anos e atingiu mais de R$ 5 bilhões de reais”, ressalta Tadeu Nardocci, presidente da Novelis na América do Sul.

Principal operação da Novelis na América do Sul, a unidade em Pindamonhangaba se destaca pela excelência operacional e equipamentos de ponta – referência no mundo todo. A planta de Pinda também é reconhecida pela gestão eficiente dos recursos naturais, como a redução de consumo de água no processo produtivo. Foram reduzidos 48 litros no consumo do recurso por tonelada de alumínio produzido no Brasil entre os anos fiscais de 2013 e 2016, o que representou uma diminuição de aproximadamente 13% no período.

A data também será comemorada com a exposição Reciclalata, mostra artística que reúne latas de alumínio gigantes personalizadas por artistas. Com o objetivo de conscientizar para os temas de reciclagem e sustentabilidade, a exposição já passou por cidades como São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro e termina sua itinerância em Pindamonhangaba, onde será exposta na Praça Monsenhor Marcondes e no Shopping Pátio Pinda.

Comentários


menu
menu