DuPont disponibiliza Cyrel DigiFlow no Brasil

Novidade para a impressão de embalagens por meio da flexografia, o Cyrel DigiFlow começa a se difundir no mercado brasileiro. Lançado pela DuPont em maio de 2012 na Drupa, feira de tecnologia gráfica realizada na Alemanha, o sistema já está disponível, segundo sua criadora, “nas principais convertedoras e gráficas do mercado brasileiro”.

Em linhas básicas, o Cyrel DigiFlow consiste em um fluxo de trabalho digital aprimorado para a gravação de chapas, cujo grande diferencial é a possibilidade de geração do chamado ponto híbrido – unidade reprodutiva que promete melhorar sensivelmente o contraste de impressão e a densidade de tinta nas áreas de sólidos, aperfeiçoando ainda mais a alta qualidade de imagem tipicamente associada aos workflows digitais.

O sistema é altamente flexível, funcionando a partir da adição de uma câmara nas unidades de exposição da DuPont. O acessório permite criar uma atmosfera controlada durante a exposição principal, assegurando uma reprodução 1:1 dos elementos da imagem na chapa. “Essa reprodução linear é importantíssima para otimizar os efeitos dos padrões de retículas sólidas”, explica Rodrigo Yamaguchi, gerente técnico da DuPont Packaging Graphics América Latina. Quando o ponto digital padrão é o efeito pretendido, a geração de ponto híbrido pode ser desativada. “O sistema DigiFlow não adiciona etapas ao processo, permitindo a seleção de pontos digitais ou híbridos por meio da simples seleção no painel do equipamento”, esclarece o executivo.

Entre as empresas que já utilizam embalagens criadas com o Cyrel DigiFlow está a Marilan. Adotado inicialmente para a produção das embalagens da linha de biscoitos Pit Stop, o sistema foi estendido para os invólucros de outros produtos da companhia, como biscoitos maizena, crackers e Mini Doses. “A nova tecnologia trouxe importantes ganhos, como maior velocidade no processo de impressão e qualidade superior da imagem”, afirma Nivaldo Martins, gerente de negócios da Marilan. O processamento das chapas de impressão da empresa por meio do Cyrel DigiFlow é feito pela StudioLaser, de Marília (SP).

“Cada vez mais o mercado brasileiro de embalagens privilegia inovações que contribuam para a melhor qualidade de impressão. Por isso, o País guarda inúmeras oportunidades de crescimento e é estratégico para nossos negócios”, declara Rodrigo Yamaguchi. “Em 2013, seguiremos trabalhando ativamente junto aos clientes locais para ampliar o uso do Cyrel Digiflow.”

 

http://c.brightcove.com/services/viewer/federated_f9?isVid=1&isUI=1

Comentários


menu
menu