Fórum sobre inovação em embalagens atrai representantes de indústrias usuárias

O Fórum Inovação – Como viabilizar a produção de embalagens criativas, mais um evento de transformação promovido pelo Ciclo de Conhecimento, ocorreu ontem, dia 27, com total sucesso de público no auditório da Panamericana Escola de Arte e Design, em São Paulo. Estiveram presentes na ocasião 218 pessoas, entre representantes de diferentes elos da cadeia de valor da embalagem. O segmento mais fortemente representando foi o de empresas usuárias de embalagens, com 116 assistentes, ou 53% do público. Os outros 47% eram compostos por empresários e profissionais ligados a indústrias fornecedoras, empresas prestadoras de serviço, com expressiva presença, neste caso, de pessoas ligadas a escritórios de design, além de professores e estudantes dessa disciplina.

Em levantamento de opiniões feito in loco, os organizadores puderam constatar que se aperfeiçoa gradativamente a já consolidada estratégia do Ciclo de Conhecimento, programa permanente de ações voltadas a transformar informação em conhecimento na área de embalagem. Nesse sentido, manifestações espontâneas de assistentes do Fórum convergiram: as palestras tinham forte ligação entre si, complementando-se numa unidade com forte acento didático. Vale dizer que refletiram e transmitiram com eficácia a mensagem de que, para criar-se embalagens inovadoras (ou não) com potencial de êxito comercial, é necessária a total integração das partes envolvidas no projeto, do começo ao fim. O risco ao não se proceder assim é o fracasso das idéias durante a execução ou, o que é pior, com os produtos já nos pontos de venda. Em outras palavras, em retrabalho e perda de tempo e dinheiro.

O programa do Fórum Inovação foi sustentado por apresentações dos seguintes  profissionais com formação superior e pós-graduação em suas especialidades, atuantes em diversas áreas da cadeia de embalagem:

• Fred Gelli, diretor da Tátil Design, criador do logotipo das Olimpíadas do Rio 2016 (“Como aproximar a cadeia produtiva em prol da inovação do cliente final, a indústria de bens de consumo”)

• Deborah Portilho, diretora da D. Portilho Auditoria e Treinamento em Propriedade Intelectual (“Inovou? Proteja. Como manter a exclusividade da Identidade Visual de sua marcas, produtos e embalagens”)

• Cristina Alvarenga, diretora da BASES, divisão da Nielsen que avalia prováveis desempenhos das inovações (“Motivos por que mais de 50% das inovações falham nos pontos de venda e formas de prevenir que isso ocorra”)

• Renata Barini, gerente de P&D, Embalagens Brasil da Kraft Foods (“Inovação de embalagens na prática”)

• Marcos Palhares, diretor da revista EmbalagemMarca (“Panorama de acertos e erros na implementação de inovações em embalagens e a importância da integração da cadeia no processo de inovação”)

O Fórum Inovação teve o patrocínio das seguintes empresas: Eastman, Indexflex e Papirus (ouro) e Panamericana Escola de Arte e Design, Milliken e Tetra Pak (prata).

EXPOSIÇÃO – No dia de realização do evento foi inaugurada nas dependências da Panamericana Escola de Arte e Design uma exposição composta por 56 painéis de 90cm X 90cm em que são apresentados, com fotografias e textos, cases de embalagem que ilustram a idéia central do Fórum Inovação. A mostra se estenderá até dia 5 de julho próximo. Endereço: (rua Groenlândia, 77 – São Paulo, SP). Entrada franca.

Comentários


menu
menu