Novo material para rótulos promete aliar maior produtividade com menor impacto ambiental

A Avery Dennison começa a oferecer no mercado brasileiro o Global MDO. Trata-se de uma nova base especialmente indicada para a produção de rótulos autoadesivos destinados à decoração de superfícies curvas.

O frontal, feito de um filme plástico especial, apresentaria balanço inédito entre rigidez, conformação e transparência, evitando rugas e vincos e aprimorando o efeito no label look (dissimulação do uso de rótulo). A produtividade, por sua vez, seria beneficiada pelo liner (suporte) de filme de PET, capaz de suportar aplicações em alta velocidade com risco reduzido de quebras de bobina. Ademais, a espessura reduzida do material (50 micra do frontal mais 23 micra do liner) permitiria a alocação de até 95% mais etiquetas por rolo, diminuindo trocas e espaço necessário para estocagem.

A Avery Dennison afirma que numa avaliação de ciclo de vida (ACV) feita pela consultoria francesa BIO Inteligence Service, o Global MDO apresentou, entre outros resultados, reduções de 10% na geração de gases de efeito estufa e de 40% na geração de resíduos sólidos quando comparado com soluções convencionais. “É uma prova de que migrar para frontais e liners mais leves tem um impacto extremamente positivo no meio ambiente”, diz Ronaldo Mello, gerente geral da Avery Dennison na América do Sul. Além da opção transparente, o novo material também está disponível com frontal branco.

Comentários


menu
menu