Tetra Pak inaugura planta para testes de alimentos em conservas

A Tetra Pak, em parceria com o Instituto Mauá de Tecnologia, inaugurou hoje a primeira planta da América Latina para testes de alimentos em conservas em embalagens cartonadas. Com o investimento de R$ 1,4 milhão, a estrutura possibilitará a realização de diversos experimentos, em uma escala menor que a industrial e a um custo mais baixo.

Com a nova planta piloto, será possível testar o desenvolver de novos produtos e alterar a formulação dos já existentes. Com essa nova instalação, o tempo para a realização dos testes será agilizado em no mínimo seis meses, sem contar o benefício financeiro.

De acordo com Fernando Varella, diretor executivo de Vendas de Contas Food da Tetra Pak, o sistema funciona como uma miniatura de uma linha comercial padrão, justamente para atender a proposta de fazer testes com custo baixo. “A capacidade do equipamento é de até três lotes por dia, o que representa cerca de 360 embalagens produzidas”, afirma o executivo.

Para abrigar a estrutura, o Instituto Mauá de Tecnologia ofereceu um espaço no laboratório, o que garante a utilização dos equipamentos de forma segura e com a confidencialidade necessária para os novos negócios da indústria alimentícia.

Em contrapartida, a empresa oferecerá palestras e demonstrações aos alunos sobre a tecnologia asséptica e autoclavada, por meio de exposições nos equipamentos.

 

Comentários


menu
menu