Kimberly-Clark lança fralda feita em bioplástico

Polímero de origem vegetal crescentemente utilizado na produção de embalagens, o ácido polilático (PLA) agora marca presença na confecção de fraldas descartáveis. A novidade é da linha Huggies Naturali, da Kimberly-Clark Brasil. O biopolímero é empregado na camada interna das fraldas, que são de tripla barreira, reduzindo o consumo de plástico convencional em até 10%.

Além da produção parcial com material de fonte renovável, a novidade se destaca por incorporar um indicador de urina na parte frontal, que evita que as mães fiquem abrindo a fralda para verificar necessidades de troca, e forro interno com óleo de jojoba, um hidratante natural. A fabricante ressalta que a embalagem – um pacote em filme de polietileno de baixa densidade, produzido pela Rhotoplás – é reciclável, alinhando-se ao caráter “verde” do lançamento.

Comentários


menu
menu